Presidente da Caixa anuncia a venda de recursos para quitar dívida com o governo

De acordo com Pedro Guimarães, atual presidente da instituição financeira Caixa Econômica Federal, a venda da participação de recursos da instituição servirá para quitar dívidas pendentes. As notícias sobre essa estratégia de quitação de dívidas e mudanças que irão acontecer na gestão da Caixa foram anunciadas no dia 7 de janeiro de 2019 durante a cerimônia de posse de Guimarães, ocorrida em Brasília.

O novo presidente da Caixa deixou claro que serão vendidas as “participações de empresas, cartões, seguros, gestão de ativos (asset) e recursos ligados às loterias da Caixa”. Essas medidas serão levadas adiante para ser possível quitar R$ 40 bilhões em dívida com o Tesouro Nacional.

“A Caixa Econômica Federal deve pagar essa dívida de R$ 40 bilhões com o governo. Essa é uma dívida sem prazo, mas isso não é justo. Conhecida como IHCD – Instrumento Híbrido de Capital de Dívida -, essa dívida deverá ser paga, pois todos nós temos prazo para o pagamento de nossas dívidas, os bancos privados também devem ter o seu. O ministro da Economia, Paulo Guedes, concorda com essa abordagem e deseja que a dívida seja quitada com o compromisso firmado pela instituição”, disse Guimarães.

Guimarães enxerga na venda dos recursos e participações do banco a forma de prosseguir com o pagamento gradual dessa dívida, que irá começar a ser paga já neste ano. “Tenho um prazo de quatro anos referente a minha gestão para conseguir quitar essa dívida com o governo, e farei isso dentro deste período. As operações ligadas ao levantamento do valor total referente a dívida já estão em andamento, sendo que duas delas estão prevista para serem executadas este ano. Esse é o compromisso que a Caixa Econômica Federal tem com o governo e a economia do país”, afirmou Guimarães.

Em relação às mudanças que irão ocorrer na gestão da instituição, Guimarães anunciou que a política de patrocínio do banco e o setor de comunicação devem mudar já no início de sua gestão. Um dos pontos importantes de acordo com o novo presidente da Caixa é que a instituição percorra todo o país ouvindo clientes para seguir o rumo certo das mudanças. Saber o que os clientes da Caixa pensam e desejam é um dos principais parâmetros para as mudanças, de acordo com o novo presidente da instituição.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *