Confira como a chegada da Black Friday impulsiona a criação de empresas de tecnologia

Uma tradição que já dura 8 anos, a Black Friday costuma animar uma legião de consumidores em busca de preços baixos. Para que tamanha animação não resulte em frustração, algumas startups de tecnologia têm investido na segurança de clientes de lojas de comércio virtual. Se em comércios com sede física o risco de fraudes diversas é menor, nos que atuam pela internet a realidade pode gerar notícias negativas.

Conforme uma pesquisa realizada pelo site ReclameAqui, que como o próprio nome sugere consiste em um ambiente voltado ao recebimento de reclamações sobre empresas, diversas irregularidades costumam ser encontradas nesta data. A principal delas refere-se ao fato de muitas companhias praticarem aumentos mascarados de preços. Outro fato que chama a atenção no levantamento é o grande volume de fretes com valores mais altos do que o normal.

Com um total de 7,9 mil participantes, a pesquisa do reclame aqui também pode mensurar a quantidade de pessoas que compraram e não receberam os seus produtos, ou seja, foram enganados. Essa prática criminosa é uma das mais comuns na Black Friday, de forma que já se tornou um dos grandes temores verificados em consumidores de diversos tipos.

O ReclameAqui também se encarregou de entrevistar pessoas acerca de suas experiências na Black Friday de 2018. Neste caso, mais da metade dos participantes alegou não acreditar mais em descontos mirabolantes. Segundo eles, tratam-se de ofertas fantasiosas. Destes consumidores, 20,45% informaram que tiveram vários tipos de problemas envolvendo as compras desta ocasião.

Com base nas impressões de consumidores em todo o país, uma empresa resolveu atuar na verificação dos preços praticados. Trata-se da Promobit, que se baseia em uma plataforma onde são disponibilizados descontos de diversas naturezas. O funcionamento da startup se dá por meio de opiniões de clientes e compartilhamentos de informações relevantes ao assunto.

Criada no ano de 2014, a Promobit também oferece um serviço de curadoria de preços. Nos dias atuais a startup conta com um total de 560 mil membros, que se revezam quanto o compartilhamento de descontos reais, em uma espécie de ajuda mútua entre consumidores. Um de seus criadores, o empresário Fábio Carneiro, alega que a principal finalidade dos serviços que presta é ajudar as pessoas no momento das compras.

Saiba mais:

https://www.terra.com.br/noticias/tecnologia/inovacoes-tecnologicas/os-caca-fraudes-startups-ajudam-consumidores-e-lojistas-a-fugir-de-golpes-na-black-friday,3670862ce86db60c0e78ad670200538cvfxmm4gb.html

Fim do programa Mais Médicos eleva fila nas unidades básicas de saúde do país

Diversas cidades brasileiras sentiram os reflexos causados pela descontinuação do programa Mais Médicos. Com a retirada dos médicos cubanos que atendiam em várias cidades do país, os atendimentos médicos ficarão ainda mais precários. Na maioria dos postos de atendimento há diversas filas por causa da redução de médicos, enquanto que em outros postos de saúde o atendimento foi totalmente bloqueado pela falta de médicos.

Essa falta de médicos atingiu principalmente as cidades de São Paulo, Matão (SP), Itapecerica da Serra, Novo Hamburgo (RS), Ponta Grossa (PR), São Miguel Arcanjo (SP), Cruzeiro do Sul (AC), Gravataí (RS), Campinas (SP), São Leopoldo (RS) e Uberaba (MG). Nestas cidades, há unidades de saúde sem nenhum médico para prestar atendimento básico à população.

Na cidade de Matão, em São Paulo, a USF que atende no bairro Cadioli possuía ao todo apenas três médicos, sendo todos eles cubanos. Com a nova medida que acabou com o programa Mais Médicos, esse mesmo posto ficou com as salas vazias sem poder prestar nenhum tipo de atendimento.

Além de Matão, cidades no Paraná e no Rio Grande do Sul também foram fortemente afetadas pelo fim do programa Mais Médicos. Nessas regiões, os médicos cubanos que atendiam nos postos de saúde receberam uma espécie de comunicado do próprio governo cubano relatando o cancelamento do programa.

Até o momento, o fim do programa Mais Médicos segue com o cancelamento do atendimento oferecido pelos médicos cubanos. Embora o governo cubano tenha anunciado o fim do programa ainda em 14 de novembro deste ano, não havia nenhuma data para que os médicos cubanos cancelassem o atendimento prestado aos postos de saúde do Brasil. Mas de acordo com a Opas (Organização Pan-Americana da Saúde), a previsão é de que os médicos cubanos retornem para Cuba até o dia 12 de dezembro ainda deste ano.

Nas notícias divulgadas sobre o fim do programa Mais Médicos, o governo cubano informou ao Brasil que as “referências diretas, ameaçadoras e depreciativas” realizadas pelo presidente Jair Bolsonaro foram uma das razões para a descontinuação do programa. Com este comunicado, o governo cubano se mostrou preocupado com o rumo que o Brasil tomará a partir dos próximos anos.

Saiba quais fatores causam o envelhecimento do cérebro

Um estudo recente, que utilizou como base mais de 62 mil tomografias de 31 mil pacientes diferentes, foi responsável por indicar quais são os fatores que provocam o envelhecimento precoce do cérebro humano. Condições psicológicas e algumas práticas comportamentais, como o consumo excessivo de álcool e maconha, foram alguns dos aspectos levantados.

Feito em parceria entre pesquisadores do Google, da Universidade da Califórnia e da John’s Hopkins University, a expectativa é de que esse estudo seja publicado muito em breve pelo prestigiado periódico médico e científico “Journal of Alzheimer’s Disease”.

Segundo esse estudo, o fator que mais provoca o envelhecimento do cérebro é a esquizofrenia, que causa uma aceleração média de 4 anos, o consumo em excesso de maconha, em cerca de 2,8 anos, transtorno bipolar, em uma média de 1,6 ano, transtorno de déficit de atenção e hiperatividade, em cerca de 1,4 ano, e, por fim, o consumo em excesso de álcool, que causa aceleração de 6 meses.

Apesar dos pesquisadores terem considerado essa hipótese ao longo da fase de pesquisa, o estudo revelou que a depressão não está relacionada ao envelhecimento acelerado do cérebro. Para chegar a essa constatação, foram analisadas mais de 120 regiões do cérebro de milhares de voluntários.

Os indivíduos que fizeram parte desse estudo eram de diferentes faixas etárias, variando desde os 9 até os 105 anos. Com isso, o objetivo da pesquisa era coletar o máximo de informações possíveis sobre envelhecimento cerebral, para assim contribuir para o desenvolvimento ee tratamentos que melhorem e estimulem as funções cognitivas das pessoas doentes e sadias.

De acordo com o autor do estudo, o médico Daniel G. Amen, de agora em diante será mais fácil de constatar as desordens e os comportamentos que causam o envelhecimento cerebral de forma precoce. Consequentemente, a adoção de tratamentos adequados podem fazem com que ocorra uma desaceleração ou até mesmo uma paralisação por completo desse processo.

As descobertas acerca do uso em excesso da maconha como fator de risco também são notícias importantes, tendo em vista a tendência cada vez maior das pessoas em considerarem essa substância praticamente indefesa.

Museus no Reino Unido fazem homenagens no centenário das sufragistas

Em 2018, completa-se cem anos desde que foi instaurado o “Representation of the People Act”, uma emenda na legislação da Inglaterra que garantiu que as mulheres tivessem o direito votar. Para a comemoração desse centenário, o Reino Unido tem organizado e patrocinado eventos e exposições em sete cidades, Manchester, Londres, Bristol, Leicester, Leeds, Nottingham e Bolton, as quais tiveram uma relação direta com o movimento sufragista do início do século XX.

O movimento sufragista da Inglaterra possui uma relevância enorme para o feminismo e a cultura popular, já tendo sido representado várias vezes no cinema e na televisão. A representação mais recente aconteceu em 2016, no filme “As Sufragistas”, estrelado pela ganhadora do Oscar, Meryl Streep.

Segundo as notícias, na cidade de Manchester, que é onde surgiram as primeiras iniciativas do movimento sufragista, foram programados três eventos de grande porte. O primeiro aconteceu no mês de março e foi chamado de “Wonder Woman 2018”, o qual contou com debates, exibições e apresentações artísticas sobre o tema em vários pontos da cidade.

Um dos grandes destaques desse evento foi a exposição “She Bangs The Drums”, que ficou exposta no Museu da Ciência e Indústria de Manchester. Durante essa exibição, os visitantes tiveram a chance de assistir a uma performance de teatro que recriou com maestria a história das mulheres que revolucionaram a democracia da Inglaterra no início do século passado.

Além disso, o People’s History Museum, também na cidade de Manchester, colocou em exibição desde o início de junho uma coleção de artigos históricos que foram usados pelas sufragistas no ano de 1908, que incluem broches, banners e cartoons. Por outro lado, a casa Pankhurst Centre, que é onde ficava a residência da líder do movimento sufragista britânico, Emmeline Pankhurst, está promovendo vários eventos e workshops em comemoração ao centenário.

Na capital Londres, por sua vez, o Museum of London manterá em exibição até fevereiro de 2019 a exposição “Votes for Woman“, a qual é formada por várias atividades interativas com foco no público de todas as idades, incluindo jogos, banners, workshops e conteúdo histórico sobre a origem do movimento e como ele foi importante para a sociedade britânica.

Evento premia práticas voltadas ao incentivo da mentalidade empreendedora em jovens

A educação como base para práticas de empreendedorismo é tema de uma nova premiação concedida pelo Sebra. Trata-se do “Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora”. Com isso, a instituição tem por objetivo reconhecer, incentivar e propagar as práticas mais eficientes do segmento educacional no tocante ao mundo dos negócios.

Realizada no dia 06 de novembro de 2018, a cerimônia de premiação contou com a adoção de quatro diferentes modalidades de ensino, que contemplam desde o nível fundamental até o superior. Desse modo, a homenagem é destinada a diversos tipos de profissionais, tais como secretários de pastas municipais, diretores, professores, coordenadores, etc.

Embora esta seja a primeira edição da premiação, ela integra um evento que já ocorre há 11 anos, a Semana Global do Empreendedorismo, que abordou recentemente a questão da importância dos jovens enquanto empreendedores. Para Heloísa Menezes, responsável pela direção da área técnica do Sebrae, tais eventos visam valorizar quem se empenha em educar o jovem para posições de liderança por meio da consciência social.

A executiva também pontuou que a instituição tem se esmerado para que esse tipo de prática seja ainda mais difundida em todos os anos da formação acadêmica do jovem. Segundo ela, é necessário que se inclua conceitos de negócios na base curricular presente no país, uma vez que isso pode gerar comportamentos mais engajados por parte dos alunos.

A diretora do Sebrae salienta que o prêmio surge como uma oportunidade de tornar evidente aqueles agentes da educação que conseguem inovar ao transmitirem conhecimentos sobre empreendedorismo aos alunos. Assim sendo, isso contribuiria para a popularização de conceitos dessa natureza dentro das salas de aula.

Vale ressaltar que nesta primeira edição três fases foram empregadas para se avaliar quais seriam os finalistas ao prêmio. A primeira delas, contudo, era de abrangência estadual, onde cada modalidade contou com a escolha dos cinco melhores profissionais.

A organização do prêmio fez a entrega de troféus e medalhas para os que se sobressaíram perante os demais participantes. Alguns dos inscritos também terão a chance de integrar uma espécie de comissão que atuará em um trabalho de âmbito nacional, bem como a oportunidade de expor trabalhos em outros eventos de relevância para o empreendedorismo.

Saiba mais:

https://revistapegn.globo.com/Empreendedorismo/noticia/2018/11/sebrae-lanca-premio-nacional-de-educacao-empreendedora.html

Entendendo a Definição de Empreendedorismo

De acordo com intelectuais, notícias e especialistas em negócios, a definição de empreendedorismo é simplesmente a combinação de ideias, trabalho árduo e adaptação ao mercado de negócios em mudança. Uma definição de empreendedor relacionado é que isso também implica atender às demandas do mercado, gerenciamento.

Definição empreendedora : uma pessoa que pode ter uma ideia ou uma inovação e criar um produto ou serviço que seja procurado pelo público em geral, pelo governo ou até pelos militares.

Os empreendedores têm uma habilidade incomum para avaliar oportunidades de negócios . Eles podem imaginar além do que existe atualmente e criar uma visão para que isso aconteça.

A definição de um empreendedor nem sempre é alguém que inicia um negócio. O empreendedorismo também pode ocorrer dentro de grandes organizações, aplicando os conceitos de inovação ao próprio trabalho. Esse significado de empreendedorismo está se tornando mais comum à medida que mais organizações adotam novos métodos de produtividade.

Por exemplo, a definição de empreendedorismo de um gerente de recursos humanos pode significar engajar-se em práticas exclusivas que melhoram a produtividade da equipe da empresa.

A definição de empreendedorismo também pode ir além do mundo corporativo. Um professor de dança de uma universidade pode definir empreendedorismo como criar aulas nas quais os alunos exploram a dança como uma indústria e não apenas como uma forma de arte.

Uma definição de empreendedor social pode ser aquela que aplica conceitos de inovação para criar melhorias em sua comunidade ou para a sociedade como um todo.

Mesmo os políticos podem ser empreendedores em sua abordagem para resolver problemas por meio de programas não tradicionais e novas tentativas de melhorar o bem-estar dos outros.

Como você pode ver, existem muitas interpretações e definições de empreendedorismo. Mais importante ainda, descreve a diretiva chave de qualquer negócio: inovação.

A inovação é, de longe, o principal fator que governa a própria criação de uma pequena empresa ou empreendedorismo. Inovações podem ser serviços, produtos e até processos.

Serviço: qualquer tipo de serviço que você fornece a alguém por um preço fixo ou tempo e materiais.

Produto: um item físico ou virtual que uma empresa ou consumidor pode comprar para resolver uma necessidade ou desejo que eles tenham.

Processo: uma nova maneira de fazer algo mais eficiente ou melhora a produtividade.

Empreendedorismo: o que é a definição moderna de empreendedor?

Empreendedorismo: o que é a definição moderna de empreendedor? O empreendedorismo é uma atividade vital para provocar mudanças na economia e na sociedade, não apenas em um país, mas também no mundo.

Causa a iniciação de todos os tipos de atividades humanas na sociedade.

O empreendedorismo é essa imensa força e espírito da humanidade que possibilitou as grandes descobertas geográficas do mundo.

São as forças impressionantes do homem que endividaram nossa civilização com variedades de produtos, entre tecnologias e pensamentos inovadores.

Afeta todos os aspectos do ambiente político-legal, sociocultural, tecnológico, econômico e demográfico da vida e da sociedade. O empreendedorismo é a força pioneira que conecta as sociedades do mundo com sua atividade de troca do período inicial de nossa história humana.

É uma força básica das organizações empresariais também. A provocação da mudança para a prosperidade futura dos negócios é o resultado do zelo empreendedor das pessoas. Portanto, o empreendedorismo é uma disciplina básica para aprender para o estudante de negócios.

O termo empreendedorismo é derivado de uma palavra francesa ‘Entreprendre’, que significa ’empreender’, ‘buscar oportunidades’ ou ‘satisfazer necessidades e desejos através da inovação e de empresas estreladas’. A palavra apareceu pela primeira vez no dicionário francês em 1723.

Acredita-se que o Irish Banker operando na França, Ricardo Cantillon (Kent, 1984) foi a primeira pessoa que usou a palavra ‘entreprendre’ em economia como “um agente que reúne materiais / insumos para produzir bens a um preço específico e por meio de coordenação desses insumos produz bens cujo preço de venda é incerto em comparação com o custo de produção ”.

Acredita-se também que o francês JB Say (1824) usou pela primeira vez o termo “empreendedor” como um agente econômico que reuniu os fatores de produção de tal forma que novas riquezas possam ser criadas.

O dicionário Oxford English adotou a palavra ‘entreprendre’ como “empreendedor” em 1897 e significava;

“Diretor ou gerente de uma instituição musical pública; aquele que se anima, especialmente a performance musical ”.

Terceiro Novo Dicionário Internacional de Webster (1961) toma como;

‘um organizador de um empreendimento econômico, especialmente aquele que organiza, possui, administra e assume o risco de um negócio’.

Árvores maiores e mais frágeis são resultado do aquecimento global

De acordo com um novo estudo sobre as florestas da Europa Central, o aquecimento global tem contribuído para que as árvores fiquem maiores e mais frágeis. Em geral, as árvores precisam de temperaturas altas para que possam se desenvolver. Com o aquecimento global cada vez mais acentuado, essas e outras plantas têm aproveitado mais dias ensolarados e quentes, o que ocasionou em um maior crescimento estrutural das árvores.

Embora esse fato pareça bastante positivo, o estudo revelou em diversas notícias que o clima mais quente tem contribuído para que as árvores fiquem mais fracas. Isso significa que mesmo com um crescimento mais acentuado, a estrutura das árvores não se fortaleceu, muito pelo contrário, ficou ainda mais frágil. No entanto, o estudo também considerou as práticas agrícolas e a poluição como causadores desse problema de fragilidade na madeira das árvores.

O estudo revelou que com árvores maiores, seria possível afirmar que mais gás carbono seria capturado por elas, o que poderia contribuir fortemente para a redução desse gás na atmosfera. No entanto, o problema de fragilidade na madeira dessas árvores não viabiliza esse fato. Em tese, toda essa relação seria refletida em diversos benefícios para o planeta. Mas na realidade dos fatos, o aquecimento global não será desacelerado somente com essas árvores maiores, pois elas não apresentam densidade suficiente para isso.

Isso porque o estudo mostrou que a densidade da madeira das árvores analisadas mostrou uma redução significativa. Essa piora na densidade foi de 8% para 12% nesta última análise. O resultado é o pior já avaliado pelos pesquisadores, o que indica que as árvores estão cada vez mais frágeis.

Como culpado, o estudo destacou a grande concentração de nitrogênio nos solos da região. Essa alta concentração é o resultado da utilização em massa de fertilizantes agrícolas que degradam o solo de áreas importantes do planeta. No entanto, esse não é o único culpado apontado pelo estudo. De acordo com os dados publicados, a poluição causada pelos veículos também contribui para que a madeira das árvores fique mais fraca.

Outro ponto negativo observado pelo estudo é que a absorção de gás carbônico por parte dessas árvores também diminuiu no período analisado. O estudo apontou uma redução de 50% da absorção desse gás, o que resulta em consequências ainda maiores para o aquecimento global.

Industrialização e economia do capitalismo

A conseqüência mais importante da industrialização e economia do capitalismo foi, portanto, seu poderoso efeito sobre a melhoria do que Marx chamou de “as forças de produção” – a fonte do que hoje é chamado depadrão de vida . O demógrafo econômico suíço Paul Bairoch calculou que o produto nacional brutoO PIB per capita nos países desenvolvidos aumentou de US $ 180 na década de 1750 (em dólares de 1960) para US $ 780 na década de 1930 e depois para US $ 3.000 na década de 1980, enquanto a renda per capita dos países menos desenvolvidos permaneceu inalterada. cerca de US $ 180 – US $ 190 de 1750 a 1930 e depois subiu apenas para US $ 410 em 1980. (Essa lacuna aparentemente persistente entre os países mais ricos e os mais pobres, que contradiz as previsões da teoria padrão do crescimento econômico, tem ocupado cada vez mais a atenção dos economistas contemporâneos. Embora a pergunta seja respondida em parte explicando que os países ricos experimentaram a industrialização e os pobres não, a questão permanece por que alguns experimentaram a industrialização e outros não.

O desenvolvimento da industrialização foi acompanhado de notícias por instabilidade periódica nos séculos XVIII e XIX. Não surpreende, portanto, que um dos efeitos colaterais da industrialização tenha sido o esforço para minimizar ou impedir choques econômicos, ligando as empresascartéis outrusts ou simplesmente em empresas integradas gigantes . Embora esses esforços diminuíssem as repercussões de erros de cálculo individuais, eles eram insuficientes para evitar os efeitos de pânicos especulativos ou convulsões comerciais. No final do século XIX, as depressões econômicas haviam se tornado um problema preocupante e recorrente, e asA Grande Depressão dos anos 30 abalou todo o mundo capitalista. Durante esse desastre , o PIB nos Estados Unidos caiu quase 50%, o investimento empresarial caiu 94% e o desemprego aumentou de 3,2 para quase 25% da força de trabalho civil. Os economistas há muito debatiam as causas do extraordinário aumento da instabilidade econômica de 1830 a 1930. Alguns apontam para o impacto do crescimento na escala de produção evidenciado pela mudança de pequenas fábricas de alfinetes para empresas gigantes. Outros enfatizam o papel de erros de cálculo e incompatibilidades na produção. E ainda outras explicações variam do inerente instabilidade da produção capitalista (particularmente para grandes empresas) ao fracasso da política governamental (especialmente no que diz respeito ao sistema monetário).

Qualidade de vida

Fique atento a notícias e hábitos saudáveis

  1. Faça exercícios de alongamento quando acordar. Aumenta a circulação e a digestão e alivia a dor nas costas .
  2. Não pule o café da manhã. Estudos mostram que comer um bom café da manhã é uma das coisas mais positivas que você pode fazer se você está tentando perder peso. Os skippers do café da manhã tendem a ganhar peso. Um café da manhã equilibrado inclui frutas frescas ou suco de frutas, cereais matinais ricos em fibras , leite com baixo teor de gordura ou iogurte, torrada integral e um ovo cozido.
  3. Escove os dentes. Muitas pessoas não sabem escovar os dentes corretamente. A escovação inadequada pode causar tanto dano aos dentes e gengivas quanto não escovar nada. Muitas pessoas não escovam por tempo suficiente, não usam fio dental e não consultam um dentista regularmente. Segure sua escova de dentes da mesma maneira que seguraria um lápis e escove por pelo menos dois minutos. Isso inclui escovar os dentes, a junção dos dentes e gengivas, a língua e o céu da boca. E você não precisa de uma escova de dentes em ângulo – apenas uma resistente e macia que você substitui a cada mês.
  4. Neuróbicos para sua mente. Obtenha seu cérebro efervescente com energia. Pesquisadores americanos cunharam o termo ‘neurobics’ para tarefas que ativam os próprios caminhos bioquímicos do cérebro e para trazer novos caminhos on-line que podem ajudar a fortalecer ou preservar circuitos cerebrais.
  5. Escove os dentes com a outra mão, faça um novo caminho para o trabalho ou escolha suas roupas com base no senso de toque, e não na visão. Pessoas com agilidade mental tendem a ter taxas mais baixas de doença de Alzheimer e declínio mental relacionado à idade.
  6. Obtenha o que você dá! Sempre dando e nunca tomando? Este é o caminho curto para a fadiga da compaixão . Dê a si mesmo e receba dos outros, caso contrário, você chegará a um ponto em que não terá mais nada para dar. E ei, se você não pode receber dos outros, como você pode esperar que eles recebam de você?